quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Santo do Dia

São Francisco Antônio Fasani

29 de Novembro


São Francisco Antônio FasaniO santo de hoje nasceu em Lucera (Itália), a 6 de agosto de 1681, e lá morreu a 29 de novembro de 1742. Foi beatificado no dia 15 de abril de 1951 e canonizado a 13 de abril de 1986 pelo Papa João Paulo II. Fez os estudos no convento dos Frades Menores Conventuais. Sentindo o chamamento divino, ingressou no noviciado da mesma Ordem. Fez a profissão em 1696 e a 19 de setembro de 1705 recebeu a Ordenação Sacerdotal. Doutorou-se em Teologia e tornou-se exímio pregador e diretor de almas. Exerceu os cargos de Superior do convento de Lucera e de Ministro Provincial. 

"Ele fez do amor, que nos foi ensinado por Cristo, o parâmetro fundamental da sua existência. O critério basilar do seu pensamento e da sua ação. O vértice supremo das suas aspirações", afirmou o Papa João Paulo II a respeito de São Fasani.

São Fasani apresenta-se-nos de modo especial como modelo perfeito de Sacerdote e Pastor de almas. Por mais de 35 anos, no início do século XVIII, São Francisco Fasani dedicou-se, em Lucera, e também nos territórios ao redor, às mais diversificadas formas de ministério e do apostolado sacerdotal.

Verdadeiro amigo do seu povo, ele foi para todos irmão e pai, eminente mestre de vida, por todos procurado como conselheiro iluminado e prudente, guia sábio e seguro nos caminhos do Espírito, defensor dos humildes e dos pobres. Disto é testemunho o reverente e afetuoso título com que o saudaram os seus contemporâneos e que ainda hoje é familiar ao povo de Lucera: ele, outrora como hoje, é sempre para eles o "Pai Mestre".

Como Religioso, foi um verdadeiro "ministro" no sentido franciscano, ou seja, o servo de todos os frades: caridoso e compreensivo, mas santamente exigente quanto à observância da Regra, e de modo particular em relação à prática da pobreza, dando ele mesmo incensurável exemplo de regular observância e de austeridade de vida. 

São Francisco Antônio Fasani, rogai por nós!

Liturgia Diaria para 29.nov.2012

Primeira Leitura - Ap 18,1-2.21-23;19,1-3.9a
Salmo - Sl 99

Evangelho (Lucas 21,20-28)

Quinta-Feira, 29 de Novembro de 2012 
34ª Semana Comum

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 20“Quando virdes Jerusalém cercada de exércitos, ficai sabendo que a sua destruição está próxima. 21Então, os que estiverem na Judeia, devem fugir para as montanhas; os que estiverem no meio da cidade, devem afastar-se; os que estiverem no campo, não entrem na cidade. 22Pois esses dias são de vingança, para que se cumpra tudo o que dizem as Escrituras. 
23Infelizes das mulheres grávidas e daquelas que estiverem amamentando naqueles dias, pois haverá uma grande calamidade na terra e ira contra este povo. 24Serão mortos pela espada e levados presos para todas as nações, e Jerusalém será pisada pelos infiéis, até que o tempo dos pagãos se complete. 25Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas. Na terra, as nações ficarão angustiadas, com pavor do barulho do mar e das ondas. 26Os homens vão desmaiar de medo, só em pensar no que vai acontecer ao mundo, porque as forças do céu serão abaladas. 27Então eles verão o Filho do Homem, vindo numa nuvem com grande poder e glória. 28Quando estas coisas começarem a acontecer, levantai-vos e erguei a cabeça, porque a vossa libertação está próxima”. 

- Palavra da Salvação. 
- Glória a vós, Senhor

Blog

Reze o Terço - pedido de Nossa Senhora

Sobre a "Ave Maria"

Ave Maria é uma oração em honra a Maria, mãe de Jesus, baseada no cântico Magnificat registrado no Evangelho de Lucas 1,28-42
Há diversas versões e diversas variações da "Ave Maria", principalmente quando associada à arte multimídia, e mesmo em um contexto religioso formal ela não é única.

Versão Bizantina

É a versão mais antiga conhecida, rementendo a alusões do Novo Testamento.
Θεοτόκε Παρθένε, χαῖρε,
κεχαριτωμένη Μαρία, ὁ Κύριος μετὰ σοῦ.
εὐλογημένη σὺ ἐν γυναιξί,
καὶ εὐλογημένος ὁ καρπὸς τῆς κοιλίας σου,
ὅτι Σωτήρα ἔτεκες τῶν ψυχῶν ἡμῶν.[1]
Theotokos virgem, regozija,
Maria cheia em graça, o Senhor é contigo.
Bendita és entre as mulheres
e bendito é o fruto de teu ventre,
pois portas o Salvador de nossas almas.

Versão Católica pré-Tridentina

É a versão latina predominante antes do Concílio de Trento. É a forma ainda mantida por luteranos e anglicanos.
Ave Maria, gratia plena,
Dominus tecum.
Benedicta tu in mulieribus,
et benedíctus fructus ventris tui, Iésus
Ave Maria, cheia de graça,
o Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres,
e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.

Versão Católico Romana pós-Tridentina

Ave Maria, cheia de graça,
o Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres,
e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
rogai por nós, pecadores, agora e na hora da nossa morte.
Amém.
Em latim
Ave Maria
Gratia plena
Dominus tecum
Benedicta tu
In mulieribus
Et benedictus
Fructus Ventris tui, Jesu
Sancta Maria,
Mater Dei,
Ora pro nobis peccatoribus
Nunc et in hora mortis nostrae
Amen

Recomendamos

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Nosso Pastor (arquidiocese de Teresina)



Dom Jacinto Furtado de Brito Sobrinho
Dom Jacinto Furtado de Brito Sobrinho (Bacabal, 16 de junho de 1947. Realizou seus primeiros anos de estudos no Grupo Escolar Osvaldo Aranha (1ª a 4ª séries) e no Colégio Nossa Senhora dos Anjos (5ª a 8ª séries), em Bacabal. Fez estudos secundários no Seminário Santo Antônio, em Campina Grande. Estudou Filosofia no Seminário Provincial de Fortaleza e no Seminário Regional do Nordeste, em Recife. Cursou Teologia no Seminário Regional do Nordeste, em Recife. Possui formação em psico-pedagogia.

Presbiterado
Jacinto Brito Sobrinho foi ordenado padre no dia 15 de janeiro de 1972, em Bacabal. Foi pároco na Paróquia de São Benedito em Pedreiras, no período de 1972 a 1994. Foi membro do Conselho Pastoral Diocesano (1972-1980); membro da Comissão Nacional do Clero (1980-1983); membro do Colégio de Consultores da Diocese (1984-1994); Vigário Geral da Diocese (1990-1995). Foi reitor do Seminário Interdiocesano de Santo Antônio, em São Luís (1995-1998), onde também ensinou a disciplina prática sacramental.

Episcopado
Dom Jacinto Furtado de Brito Sobrinho foi nomeado bispo de Crateús pelo Papa João Paulo II, em 18 de fevereiro de 1998. Recebeu a ordenação episcopal no dia 24 de maio de 1998, em Crateús, das mãos de Dom Antônio Batista Fragoso e de Dom Paulo Eduardo Andrade Ponte e Dom Pascásio Rettler, OFM. No dia 22 de fevereiro de 2012 o Papa Bento XVI o nomeou arcebispo de Teresina.
Dom Jacinto Furtado de Brito Sobrinho é o 2º bispo diocesano de Crateús, sucedeu a Dom Antônio Batista Fragoso . É o 7º arcebispo de Teresina, sucedendo a Dom Sérgio da Rocha

O Santo do Dia - 28.nov.2012

São Tiago da Marca

28 de Novembro

 São Tiago da Marca O santo de hoje morreu dizendo "Jesus, Maria, bendita Paixão de Jesus", isto porque sua vida toda foi dedicada para a causa do Evangelho. Tiago da Marca nasceu no ano 1391 numa aldeia da Marca de Ancona, Itália. Recebeu no Batismo o nome de Domingos. Tendo morrido seu pai e sua mãe, ficou aos cuidados de um homem rico que o encaminhou para trabalhos administrativos. Desta forma, São Tiago conheceu a iniquidade do mundo, tomando a decisão de se retirar para um convento.

Quando despertou para a vocação à vida Consagrada, São Tiago pensou em entrar para os Cartuxos, mas ao viajar para Babiena, na Toscana, ficou tão edificado com os diálogos que travou com os franciscanos, que resolveu entrar para a Família de São Francisco de Assis. Recebeu o hábito, tomando o nome de Tiago, no Convento de Nossa Senhora dos Anjos, perto de Assis, onde, pouco tempo depois, fez profissão.

Dormia apenas três horas por noite; e passava o restante da noite na meditação das coisas celestes. Nunca comia carne, jejuava inviolavelmente as sete quaresmas de S. Francisco. Todos os dias se disciplinava com rigor. A única pena que sentia era não poder dedicar-se à pregação, único emprego que desejava na sua Ordem. Para conseguir o que tanto desejava, foi a Nossa Senhora do Loreto, celebrou a Santa Missa e, depois da consagração, a Santíssima Virgem apareceu-lhe a dizer que a sua oração tinha sido ouvida.

Começou a pregar com tanto fervor que nunca subia ao púlpito sem tocar os corações mais endurecidos, fazendo muitas conversões miraculosas. Foi associado a São João Capistrano para pregar a Cruzada contra os turcos que, tendo-se apoderado de Constantinopla, enchiam de terror toda a cristandade. Foi tal o seu zelo por esta ocasião que se lhe pode atribuir em grande parte o sucesso desta gloriosa empreitada.

Como sacerdote dedicou-se nas pregações populares onde, de modo simples, vivo e eficaz, evangelizava e espalhava a Sã Doutrina Católica em diversas regiões da Europa. São Tiago anunciava, mas também denunciava toda opressão social, pois os negociantes e mercadores tiranizavam o povo com empréstimos de juros sem fim, por causa disso o santo fundou os bancos populares que emprestavam com juros mínimos. Por fim, São Tiago se instalou em Nápoles onde teve a revelação que aí terminaria seus dias, como de fato aconteceu a 28 de novembro de 1476, isto depois de ser atingido por uma doença mortal. Foi canonizado em 1726 pelo Papa Bento XIII.

São Tiago da Marca, rogai por nós!

Liturgia Diaria para 28.nov.2012


Primeira Leitura - Ap 15,1-4
Salmo - Sl 97

Evangelho (Lucas 21,12-19)

Quarta-Feira, 28 de Novembro de 2012
34ª Semana Comum

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 12“Antes que estas coisas aconteçam, sereis presos e perseguidos; sereis entregues às sinagogas e postos na prisão; sereis levados diante de reis e governadores por causa do meu nome. 13Esta será a ocasião em que testemunhareis a vossa fé. 14Fazei o firme propósito de não planejar com antecedência a própria defesa; 15porque eu vos darei palavras tão acertadas, que nenhum dos inimigos vos poderá resistir ou rebater. 16Sereis entregues até mesmo pelos próprios pais, irmãos, parentes e amigos. E eles matarão alguns de vós. 17Todos vos odiarão por causa do meu nome. 18Mas vós não perdereis um só fio de cabelo da vossa cabeça. 19É permanecendo firmes que ireis ganhar a vida!”

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Festejos de Santa Luzia em Lagoa Alegre

Abertura dos Festejos de Santa Luzia dia 1 de dezembro proximo sabado com procissao saindo da Capela São Francisco no bairro Piçarreira as 18h, levem suas velas, vamos rezar povo de Deus... quem tiver seu transporte, leve tambem...

Radio Evangelizar

Novo Livro do Pe Reginaldo Manzotti

"A tristeza que vem de Deus produz arrependimento que leva para a salvação e que não volta atrás; a tristeza segundo este mundo produz a morte". (2Cor 7, 10)

Facebook Pe Jardel

Alegria de hoje: mais de 500 jovens no CONGRESSO VOCACIONAL REALIZADO HOJE PELA MANHÃ. Obrigado, senhor!
 
Alegria de hoje: mais de 500 jovens no CONGRESSO VOCACIONAL REALIZADO HOJE PELA MANHÃ. Obrigado, senhor!
Curtir ·  · 

terça-feira, 27 de novembro de 2012

O Santo do Dia

Santa Catarina Labouré

27 de Novembro

 Santa Catarina Labouré Celebramos neste dia o testemunho de vida cristã e mariana daquela que foi privilegiada com a aparição de Nossa Senhora, a qual deu origem ao título de Nossa Senhora das Graças ou da Medalha Milagrosa.

Santa Catarina de Labouré nasceu em Borgonha (França) a 2 de maio de 1806. Era a nona filha de uma família que, como tantas outras, sofria com as guerras napoleônicas.

Aos 9 anos de idade, com a morte da mãe, Catarina assumiu com empenho e maternidade a educação dos irmãos, até que ao findar desta sua missão, colocou-se a serviço do Bom Mestre, quando consagrou-se a Jesus na Congregação das Filhas da Caridade.

Aconteceu que, em 1830, sua vida se entrelaçou mais intimamente com os mistérios de Deus, pois a Virgem Maria começa a aparecer a Santa Catarina, a fim de enriquecer toda a Igreja e atingir o mundo com sua Imaculada Conceição, por isso descreveu Catarina:

"A Santíssima Virgem apareceu ao lado do altar, de pé, sobre um globo com o semblante de uma senhora de beleza indizível; de veste branca, manto azul, com as mãos elevadas até à cintura, sustentava um globo figurando o mundo encimado por uma cruzinha. A Senhora era toda rodeada de tal esplendor que era impossível fixá-la. O rosto radiante de claridade celestial conservava os olhos elevados ao céu, como para oferecer o globo a Deus. A Santíssima Virgem disse: Eis o símbolo das graças que derramo sobre todas as pessoas que mas pedem''.

Nossa Senhora apareceu por três vezes a Santa Catarina Labouré. Na terceira aparição, Nossa Senhora insiste nos mesmos pedidos e apresenta um modelo da medalha de Nossa Senhora das Graças. Ao final desta aparição, Nossa Senhora diz: "Minha filha, doravante não me tornarás a ver, mas hás-de ouvir a minha voz em tuas orações".

Somente no fim do ano de 1832, a medalha que Nossa Senhora viera pedir foi cunhada e espalhada aos milhões por todo o mundo.

Como disse Sua Santidade Pio XII, esta prodigiosa medalha "desde o primeiro momento, foi instrumento de tão numerosos favores, tanto espirituais como temporais, de tantas curas, proteções e sobretudo conversões, que a voz unânime do povo a chamou desde logo medalha milagrosa".

Esta devoção nascida a partir de uma Providência Divina e abertura de coração da simples Catarina, tornou-se escola de santidade para muitos, a começar pela própria Catarina que muito bem soube se relacionar com Jesus por meio da Imaculada Senhora das Graças.

Santa Catarina passou 46 anos de sua vida num convento, onde viveu o Evangelho, principalmente no tocante da humildade, pois ninguém sabia que ela tinha sido o canal desta aprovada devoção que antecedeu e ajudou na proclamação do Dogma da Imaculada Conceição de Nossa Senhora em 1854.

Já como cozinheira e porteira, tratando dos velhinhos no hospício de Enghien, em Paris, Santa Catarina assumiu para si o viver no silêncio, no escondimento, na humildade. Enquanto viveu, foi desconhecida.

Santa Catarina Labouré entrou no Céu a 31 de dezembro de 1876, com 70 anos de idade.
Foi beatificada em 1933 e canonizada em 1947 pelo Papa Pio XII.

Santa Catarina Labouré, rogai por nós!

Liturgia Diaria 27.nov.2012

Primeira Leitura - Ap 14,14-19

Salmo - Sl 95

Evangelho (Lucas 21,5-11)

Terça-Feira, 27 de Novembro de 2012
34ª Semana Comum

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 5algumas pessoas comentavam a respeito do Templo que era enfeitado com belas pedras e com ofertas votivas. Jesus disse: 6“Vós admirais estas coisas? Dias virão em que não ficará pedra sobre pedra. Tudo será destruído”. 7Mas eles perguntaram: “Mestre, quando acontecerá isto? E qual vai ser o sinal de que estas coisas estão para acontecer?” 8Jesus respondeu: “Cuidado para não serdes enganados, porque muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Sou eu!’ E ainda: ‘O tempo está próximo’. Não sigais essa gente! 9Quando ouvirdes falar de guerras e revoluções, não fiqueis apavorados. É preciso que estas coisas aconteçam primeiro, mas não será logo o fim”. 10E Jesus continuou: “Um povo se levantará contra outro povo, um país atacará outro país. 11Haverá grandes terremotos, fomes e pestes em muitos lugares; acontecerão coisas pavorosas e grandes sinais serão vistos no céu”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

O Santo do Dia

São Leonardo de Porto Maurício

26 de Novembro

 São Leonardo de Porto Maurício Lembramos hoje a santidade do sacerdote que, pela sua vida e missão, mereceu ser constituído pelo Papa Pio XI, como Patrono dos sacerdotes que, em qualquer parte da terra, se consagram às missões populares católicas. São Leonardo, o grande missionário do século XVIII, como lhe chamou Santo Afonso Maria de Ligório, nasceu em Porto Maurício, perto de Gênova, Itália, a 20 de dezembro de 1676. Aconteceu que Leonardo perdeu muito cedo sua mãe, tendo sido criado e educado pelo seu tio. Encontrou cedo sua vocação ao Sacerdócio, por isso, ao renunciar a si mesmo, foi para Roma formar-se no Colégio da Companhia de Jesus. Por causa da sua inocência e sólida virtude, conquistou a simpatia e a alta consideração de seus superiores, que nele viam outro angélico Luís Gonzaga. Entrou para a Ordem Franciscana, no Convento de São Boaventura, e com 26 anos já era Padre. Começou a vivenciar toda a riqueza do Evangelho e a radicalidade típica dos imitadores de Francisco, por isso ocupou posições cada vez maiores no serviço à Ordem, à Igreja e para com todos. Devoto da Virgem Maria, que lhe salvou a vida num tempo de incurável doença (tuberculose), São Leonardo de Porto Maurício era devotíssimo do Sagrado Coração de Jesus na forma da adoração ao Jesus Eucarístico.

Foi, no século XVIII, o grande apóstolo do santo exercício da Via-Sacra. Era um grande amante da pobreza radical e franciscana. Toda a vida, penitências e orações de São Leonardo convergiam para a salvação das almas. Era tal a unção, a caridade ardente e o entusiasmo que repassava em suas pregações, que o célebre orador Bapherini, encanecido já no exercício da palavra, sendo enviado por Clemente XII a ouvir os sermões de Leonardo para depois o informar a este respeito, desempenhou-se da sua missão dizendo "que nunca ouvira pregador mais arrebatador, que o efeito de seus discursos era irresistível, que ele próprio não pudera reter as lágrimas". São Leonardo era digno sucessor de Santo Antônio de Lisboa, de São Bernardino de Sena e de São João Capistrano. O próprio Pontífice Bento XIV quis ouvir o famoso missionário, e para isso chamou-o a Roma, em 1749, a fim de preparar os fiéis para o Ano Santo. Depois de derramar-se por Deus e pelos outros, São Leonardo de Porto Maurício, não se tornou mártir, como tão desejava, mas deu toda sua vida no dia-a-dia até adoecer e entrar no Céu a 26 de novembro de 1751, no Convento de São Boaventura, em Roma, onde, 54 anos antes, se consagrara ao Senhor sob o burel de São Francisco. Não se limitou apenas à pregação o ilustre missionário de Porto Maurício; deixou também vasta coleção de escritos, publicados a princípio isoladamente, e reunidos depois numa grande edição, que prolonga no futuro a sua prodigiosa ação missionária, não apenas dentro das fronteiras da Itália, mas cujo âmbito é todo o mundo civilizado, pelas traduções feitas em quase todas as línguas cultas. Estes escritos constituem, em geral, um rico tesouro de verdades ascéticas e ensinamentos morais e homiléticos.

São Leonardo de Porto Maurício, rogai por nós!

Liturgia Diaria para 26.nov.2012

  1. Deus que trazemos dentro de nós
  2. Primeira leitura - Ap 14,1-3.4b-5
  3. Salmo - Sl 23
Evangelho (Lucas 21,1-4)

Segunda-Feira, 26 de Novembro de 2012
34ª Semana Comum

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1Jesus ergueu os olhos e viu pessoas ricas depositando ofertas no tesouro do Templo. 2Viu também uma pobre viúva que depositou duas pequenas moedas. 3Diante disso, ele disse: “Em verdade vos digo que essa pobre viúva ofertou mais do que todos. 4Pois todos eles depositaram, como oferta feita a Deus, aquilo que lhes sobrava. Mas a viúva, na sua pobreza, ofertou tudo quanto tinha para viver”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Sentido da festa de Cristo Rei


 
 
 
Neste último Domingo do Ano Litúrgico,
concluímos a caminhada como "discípulos"
proclamando CRISTO, REI DO UNIVERSO.
Hoje comemoramos também o Dia do Leigo,
que é chamado a colaborar com Deus na construção desse Reino.

Por que essa Festa?

- Se no ano todo revivemos a vida e as mensagens de Cristo e do seu Reino...
- Se entre as nações é um regime político um tanto abandonado…
- Se entre os homens são tidos como Reis,
os possuidores de poder, de glória, bens materiais?

No entanto a Igreja achou oportuno coroar o Ano Litúrgico com esta festa, salientando o lugar de Cristo diante da Humanidade e do Universo.

As Leituras bíblicas nos falam dessa Realeza.

A 1ª Leitura anuncia um "Filho do Homem", vindo do céu
para instaurar um REINO sem fim. (Dn 7,13-14)

Os judeus eram oprimidos pela dominação dos gregos.
Antíoco IV queria impor a cultura e a religião grega à força…
Daniel, numa linguagem apocalíptica, anima as comunidades à resistência.
Numa visão noturna, Daniel, contempla quatro animais (reinos opressores), saindo do mar (símbolo do mal) e vê no céu um Ancião (Deus)
que confia ao "Filho do homem" o poder, a glória e o REINO.

A profecia se realiza plenamente com a vinda de Jesus.
Esse Reino, não obstante as perseguições, jamais terá fim.
É verdade que esse reino ainda hoje não se tornou uma realidade plena;
contudo, o Reino proposto por Jesus já está presente na vida do mundo,
como uma semente a crescer ou como o fermento a levedar a massa.
Compete a nós, discípulos de Jesus, fazer com que esse Reino
seja uma realidade bem viva e atuante em nosso mundo.

A 2a Leitura lembra que Cristo é o "Príncipe dos reis da terra"
que virá cheio de poder, de glória e majestade para instaurar
um REINO definitivo de felicidade, de vida e de paz. (Ap 1, 5-8)

No Evangelho, Jesus confirma a sua Realeza. (Jo 18, 33b-37)

- Durante toda a vida pública, Jesus teve muito cuidado
para não dar uma interpretação política à sua missão.
Várias vezes querem fazê-lo rei, mas ele sempre se esquiva.
- Próximo da sua Paixão… sozinho, abandonado até pelos amigos,
sem exército que pudesse vir a defendê-lo,
no tribunal diante de Pilatos que lhe pergunta: "Tu és o Rei dos Judeus?"
Jesus confirma a sua Realeza e define o sentido do seu Reinado:
"Eu sou REI. Mas o meu Reino não é desse mundo...".
"Para isso nasci e para isso vim ao mundo.
Para dar testemunho da Verdade.
E todo aquele que é da Verdade, ouve a minha voz..."

* A Realeza de Cristo é diferente:
Um Rei que veio para servir e salvar.
Um soberano capaz de aceitar uma coroa de espinhos.
Um Rei cujo trono foi uma cruz no alto de um monte.
Cruz que se tornou símbolo de vitória para nós.
Esse Reino cresce onde se manifesta a atitude de serviço,
a doação generosa em favor dos irmãos, onde cresce o respeito pelos outros,
o diálogo, o perdão, a solidariedade... a justiça... o amor...

A Liturgia, no Prefácio, explicita o tipo de Reino que Jesus veio trazer:
"Reino da VERDADE e da VIDA,
Reino da SANTIDADE e da GRAÇA,
Reino da JUSTIÇA, do AMOR e da PAZ."

+ Um Reino que não é desse mundo...
mas que se importa com o mundo... solidário com as pessoas...

Hoje, como há dois mil anos, para muitos é Rei
só quem tem dinheiro, poder, glória, bens materiais, COISAS...

E CRISTO, ainda hoje, continua a nos repetir:
"Eu sou rei", não um rei de coisas, mas um rei de gente,
- sem o PODER que os homens tanto aspiram…
- sem a GLÓRIA que os homens tanto procuram…
- sem os BENS que os homens tão avidamente desejam…

+ Jesus nos convida a fazer parte desse Reino
e a trabalhar para que esse Reino aconteça na vida de todos.

* Faz parte desse Reino, quem é da Verdade e escuta a sua Voz.
- Procuramos na verdade escutar a sua voz, para entrar nesse Mundo novo?
- Somos mensageiros desse Reino, na família, na rua, na sociedade,
no local de trabalho?

- No Pai Nosso,Jesus nos convida a rezar:

"Venha a nós o vosso Reino"

Estamos aqui reunidos em oração, porque somos "cidadãos desse Reino".
Façamos nossa a prece de Cristo: "Venha a nós o vosso Reino".

Desejaria que esse Reino… viesse de fato ao nosso coração e
ao coração de todos os homens: Reino de Verdade e de Vida;
Reino de Santidade e de Graça; Reino de Justiça, de Amor e de Paz…
Que assim seja…

Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa - 25.11.2012

sábado, 24 de novembro de 2012

Reflita




Paroquia realizará Seminário Vocacional



O Santo do Dia - 24/11/12


Santo André Dung-Lac e companheiros mártires

24 de Novembro

Santo André Dung-Lac e companheiros mártiresNeste dia comemoramos a santidade dos 117 mártires vietnamitas que testemunharam seu amor a Cristo, tanto na vida como na morte. O Papa João Paulo II, em 1988, canonizou na verdade alguns, dos muitos ousados na fé, que se encontram entre o período de 1830 até 1870.

O Vietnã conheceu a Boa-nova de Jesus Cristo no século XVI, e o acolheu em sua integridade: "Então, entregar-vos-ão à aflição, matar-vos-ão, sereis odiados por todos os pagãos por causa do meu nome...mas quem perseverar até o fim, este será salvo". (Mt 24,9-13) 

Santo André Dung-Lac, era de família pobre, reconheceu a riqueza do Dom Sacerdotal e foi ordenado Padre em 1823; em meio às perseguições desejava ardentemente testemunhar Jesus Cristo com o martírio, pois dizia que "aqueles que morrem pela fé sobem ao céu". 

Na Ásia, iniciou-se grande perseguição aos cristãos. De 1625 a 1886, os governantes tudo fizeram para despertar o ódio e a vingança contra a religião cristã e àqueles que anunciavam o Evangelho ou tornavam-se cristãos. Mas, quanto mais os perseguiam, mais aumentava o fervor dos cristãos. Esse período culminou com a morte de 117 santos: Sacerdotes, Bispos, pais de famílias, jovens, crianças, catequistas, seminaristas, militares. Todos estes mostrando a universalidade do chamado à Santidade com o próprio sangue. 


Santo André Dung-Lac e companheiros mártires, rogai por nós!

Liturgia Diaria para 24.nov.2012

LITURGIA DIÁRIA
 
Primeira Leitura - Ap 11,4-12
Salmo - Sl 143
 
Evangelho (Lucas 20,27-40)

Sábado, 24 de Novembro de 2012 
Sto. André Dung-Lac e Comps.

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 27aproximaram-se de Jesus alguns saduceus, que negam a ressurreição, 28e lhe perguntaram: “Mestre, Moisés deixou-nos escrito: se alguém tiver um irmão casado e este morrer sem filhos, deve casar-se com a viúva a fim de garantir a descendência para o seu irmão. 29Ora, havia sete irmãos. O primeiro casou e morreu, sem deixar filhos. 30Também o segundo 31e o terceiro se casaram com a viúva. E assim os sete: todos morreram sem deixar filhos. 32Por fim, morreu também a mulher. 33Na ressurreição, ela será esposa de quem? Todos os sete estiveram casados com ela”. 
34Jesus respondeu aos saduceus: “Nesta vida, os homens e as mulheres casam-se,35mas os que forem julgados dignos da ressurreição dos mortos e de participar da vida futura, nem eles se casam nem elas se dão em casamento; 36e já não poderão morrer, pois serão iguais aos anjos, serão filhos de Deus, porque ressuscitaram. 
37Que os mortos ressuscitam, Moisés também o indicou na passagem da sarça, quando chama o Senhor ‘o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó’. 38Deus não é Deus dos mortos, mas dos vivos, pois todos vivem para ele”. 39Alguns doutores da Lei disseram a Jesus: “Mestre, tu falaste muito bem”. 40E ninguém mais tinha coragem de perguntar coisa alguma a Jesus. 

- Palavra da Salvação. 
- Glória a vós, Senhor.

VIII Desperta-te em Angical-PI


quinta-feira, 22 de novembro de 2012

CNBB promove missa voltada a parlamentares

por: cnbb
missa_parlamentares22.11Na manha desta quinta-feira, 22 de novembro, foi realizada na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília, a Missa com os Parlamentares. A celebração eucarística contou com a presença de deputados e senadores de diversos partidos. A missa foi presidida assessor político do Secretariado Geral da CNBB, padre Geraldo Martins Dias.
A celebração contou com a presença de cerca de 40 pessoas, entre deputados, senadores, assessores parlamentares e colaboradores da Comissão Brasileira de Justiça e Paz (CBJP) e da CNBB.
A celebração da eucaristia com a participação dos parlamentares é tradicional na CNBB. Organizada pela Comissão Brasileira de Justiça e Paz (CBJP) e pela assessoria de política, é celebrada sempre na terceira quinta-feira de cada mês, às 8h.
Após a missa, os parlamentares, seus familiares e assessores são convidados para um café, o que é uma oportunidade para fortalecer laços fraternos e de amizade.

Juventude Unionenense


ATENÇÃO JOVENS DE UNIÃO-PI,
DIA 22/11 TEMOS REUNIÃO DO SETOR JUVENTUDE AS 19H NO SALÃO PAROQUIAL.
REÚNA A SUA GALERA E VENHA PARTICIPAR DESSE MOMENTO CHEIO DA GRAÇA DE DEUS!
NOVIDADE: ESTUDO DO YOUCAT (CATECISMO JOVEM)

Celebração em Novo NIlo 21.11.12

video

O Santo do Dia - 22.11.12

Santa Cecília

22 de Novembro

 Santa Cecília Hoje celebramos a santidade da virgem que foi exaltada como exemplo perfeitíssimo de mulher cristã, pois em tudo glorificou a Jesus. Santa Cecília é uma das mártires mais veneradas durante a Idade Média, tanto que uma basílica foi construída em sua honra no século V. Embora se trate da mesma pessoa, na prática fala-se de duas santas Cecílias: a da história e a da lenda. A Cecília histórica é uma senhora romana que deu uma casa e um terreno aos cristãos dos primeiros séculos. A casa transformou-se em igreja, que se chamou mais tarde Santa Cecília no Trastévere; o terreno tornou-se cemitério de São Calisto, onde foi enterrada a doadora, perto da cripta fúnebre dos Papas.

No século VI, quando os peregrinos começaram a perguntar quem era essa Cecília cujo túmulo e cuja inscrição se encontravam em tão honrosa companhia, para satisfazer a curiosidade deles, foi então publicada uma Paixão, que deu origem à Cecília lendária; esta foi sem demora colocada na categoria das mártires mais ilustres. Segundo o relato da sua Paixão Cecília fora uma bela cristã da mais alta nobreza romana que, segundo o costume, foi prometida pelos pais em casamento a um nobre jovem chamado Valeriano. Aconteceu que, no dia das núpcias, a jovem noiva, em meio aos hinos de pureza que cantava no íntimo do coração, partilhou com o marido o fato de ter consagrado sua virgindade a Cristo e que um anjo guardava sua decisão.

Valeriano, que até então era pagão, a respeitou, mas disse que somente acreditaria se contemplasse o anjo. Desse desafio ela conseguiu a conversão do esposo que foi apresentado ao Papa Urbano, sendo então preparado e batizado, juntamente com um irmão de sangue de nome Tibúrcio. Depois de batizado, o jovem, agora cristão, contemplou o anjo, que possuía duas coroas (símbolo do martírio) nas mãos. Esse ser celeste colocou uma coroa sobre a cabeça de Cecília e outra sobre a de Valeriano, o que significava um sinal, pois primeiro morreu Valeriano e seu irmão por causa da fé abraçada e logo depois Santa Cecília sofreu o martírio, após ter sido presa ao sepultar Valeriano e Tibúrcio na sua vila da Via Ápia.

Colocada diante da alternativa de fazer sacrifícios aos deuses ou morrer, escolheu a morte. Ao prefeito Almáquio, que tinha sobre ela direito de vida ou de morte, ela respondeu: "É falso, porque podes dar-me a morte, mas não me podes dar a vida". Almáquio condenou-a a morrer asfixiada; como ela sobreviveu a esse suplício, mandou que lhe decapitassem a cabeça.

Nas Atas de Santa Cecília lê-se esta frase: "Enquanto ressoavam os concertos profanos das suas núpcias, Cecília cantava no seu coração um hino de amor a Jesus, seu verdadeiro Esposo". Essas palavras, lidas um tanto por alto, fizeram acreditar no talento musical de Santa Cecília e valeram-lhe o ser padroeira dos músicos. Hoje essa grande mártir e padroeira dos músicos canta louvores ao Senhor no céu.

Santa Cecília, rogai por nós!

Liturgia Diaria para 22.nov.2012

  1. Primeira leitura - Ap 5,1-10
  2. Salmo - Sl 149
 
Evangelho (Lucas 19,41-44)

Quinta-Feira, 22 de Novembro de 2012
Santa Cecília

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 41quando Jesus se aproximou de Jerusalém e viu a cidade, começou a chorar. E disse: 42“Se tu também compreendesses hoje o que te pode trazer a paz! Agora, porém, isso está escondido aos teus olhos! 43Dias virão em que os inimigos farão trincheiras contra ti e te cercarão de todos os lados. 44Eles esmagarão a ti e a teus filhos. E não deixarão em ti pedra sobre pedra. Porque tu não reconheceste o tempo em que foste visitada”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
 

TH em Novo Nilo

Recebendo convite do Grupo do terço dos Homens Mãe Rainha do Setor de Novo Nilo o Grupo do TH da matriz esteve nesta terça-feira, 21, na Capela de São João, em Novo Nilo. na programação a Novena de Nossa Senhora das Graças que está sendo festeja pelos Homens do Setor. A cada noite a novena é celebrada em uma comunidade que tem a presença dos homens do Grupo. A celebração foi presidida pelo Ministro extraordinario da Eucaristica Zé da Cruz que enfatizou sobre o compromisso do ser cristão na atualidade. "nós cristão estamos inseridos na familia de Cristo. Quando ele, nesta leitura, nos questiona sobre quem é minha mãe e quem são meus irmãos senão aqueles que fazem a vontade de Deus." Apos a novena foi realizado um leilão onde os grupos se confraternização. 
Zé da Cruz - presidiu a Celbração


As crianças também participam
Homens do Setor de Novo Nilo
Chiquinho - secretario do T.H.
Eucaristia - fonte de Vida